Ela merece saber

beach-woman_p&b

Foto: Pixabay

 

Ele tá com ela, mas não completamente presente. Ainda troca mensagens no meio da noite com outra. Diz sentir falta do que viveram antes.

Ele tá com ela e decide ir ficando, como uma obrigação a cumprir. Ilude os corações e finge ser quem não é. Ir embora exige coragem.

Ele tá com ela e carrega tanta culpa nos ombros. Insiste na razão, omite os sentimentos, reprime os desejos.

Mesmo assim, ele vai viver com ela. Talvez, ela apenas prefira fechar os olhos para senti-lo por perto. Ela deveria saber… Merecia saber que, no fundo, ele não tá com ela.

 

Por Juliana Helpe

Análise de um amor

coração_heart_amor

Foto: Juliana Helpe

 

Ontem eu vi o amor.

No jeito em que ele se direciona pra ela. A forma como o brilho do olhar acompanha as covinhas do sorriso. Como ele gira o corpo, levando junto a cadeira, para dar total atenção ao que ela diz. Vi na felicidade estampada no rosto. Na expressão que dizia “que palavras lindas, tudo é tão incrível vindo de você”. Que orgulho ele tinha de tá acompanhado dela. Dava para ver. Eu vi.

Ontem eu vi o amor.

No sorriso encabulado dela. No carinho feito sem pensar. Quando ela disse “conta aquela história…” e era como se o conto estivesse acontecendo ali e agora. Na expressão de felicidade. Na linha de raciocínio que ela levanta e ele escuta, ouve e compreende. Que prazer ela tinha de tá na companhia dele. Dava para ver. Eu vi.

 

Por Gabriela Leocádio